E esse fim de semana?

E esse fim de semana?

Qual?

Esse, agora! O que vai fazer?

Eu? Não sei! Por que tenho que fazer alguma coisa?

Ué! Mas amanhã é Natal!

Nossa! É mesmo né! E o que tem isso?

Não sei! Ando tão decepcionado com essas coisas de fim de ano!

É, eu também! Depois que descobri as reais intensões dessas comemorações!

É? E quais seriam?

Já reparou que esses dias as pessoas são praticamente empurradas a comprar?

Sim, não tinha pensado nisso!

Pois, então! A massificação das mentes quase te obriga a pensar como os outros e agir do mesmo modo!

Nossa, é verdade! Ontem mesmo comprei uma árvore de natal pra levar pra casa. O estranho é que nunca havia feito isso, não sei por que me deu vontade!

Não sabe por que? É o bombardeio da mídia, que te direciona a achar que precisa de coisas, que realmente não precisa!

Então, você quer dizer que o Natal é apenas uma festa do consumismo?

Não é isso, apenas! É algo mais velho do que qualquer um possa imaginar! Os antigos comemoravam as colheitas e rendiam louvores ao sol.

Vem cá? Você é ateu?

Não, por que?

Ah! Pensei que fosse, por suas ideias!

Minhas ideias? Francamente, não são ideias minhas, são a verdade!

Você sabe que a verdade é relativa, não é mesmo?

A verdade pode ser relativa, mas o que te disse sobre o Natal não é, não!

Como tem certeza?

Sabe, por que tenho certeza? Por que uma vez me contaram que existia um velhinho bondoso que distribuía brinquedos às crianças boazinhas, e depois de um tempo, descobri que, estranhamente, apenas as que os pais tinham dinheiro recebiam a visita daquele senhor. Aos poucos fui olhando para o lado e via que não tinha nada daquilo que eu via na TV. Neve? Rena? O que eu via mesmo, eram pessoas usando da data para falsamente cumprimentar os outros e se utilizando da data para maquiar o culto ao materialismo, enquanto outras se desfaziam das suas pequenas posses, pra não se sentir excluídas de uma festa que não foi feita pra elas!

Então, você não é cristão?

Claro que sou! Não é isso! E isso não tem nada a ver com o que estou falando!

Como não? O Natal é o nascimento de Cristo!

Sério mesmo? Você acredita nisso? Então, um Feliz Natal pra você!