Não me Chame de Amor


Não me chame de “amor” a menos que eu realmente seja o “seu amor”. Palavras precisam de significado. Não são somente letras organizadas, são mais do que isso. Palavras podem salvar ou destruir. Palavras são muito importantes e devem ser tratadas com o devido respeito. Por isso não me chame de seu amor, de seu bem, de docinho – se eu realmente não for isso tudo pra você. Não jogue palavras ao vento. Cuide delas e as use com parcimônia. Não seja irresponsável com elas, muito menos comigo.

Algumas palavras podem ferir, mesmo que a intenção não seja essa.

Eu ando cansada de ouvir palavras bonitas e melosas sem sentimento.

Quero palavras reais, fortes e duradouras.
Quero palavras repletas de significado e sentimento.
Quero palavras bonitas ditas com sinceridade.
Ou palavras duras, mas verdadeiras.

Por isso não me chame de “amor” a menos que isso seja a mais pura verdade.

Essa sou eu cansada de tantas palavras sem sentido.

(Alessandra Pilar)

Do Blog Achados e Perdidos Escritos

Você também pode gostar de ler:

A Coletora Vestida de Sonho | Feliz Idade

Anúncios

2 pensamentos sobre “Não me Chame de Amor

  1. Obrigada por compartilhar!!
    Fiquem à vontade para se perderem em minhas palavras… 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s